destaques
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Bebo horas da súbita concha da aurora

nascentes dos olhos brilham peixes ao sol

fulgor que estrelas noturnas esqueceram

no dorso das enseadas cruéis de abril

ou doaram ao sol-irmão inóspito e puro.

 

Na bacia do olhar recolho vísceras de luz, estojos

ígneos, fêmures de Febo, topázios longínquos

rastilhos do amanhecer, sonos de pássaros, verbos

de sombra, pântanos de vida, espelhos, gumes de ágatas.

 

(Recolho imo de Dido abandonada da víscera de uma rocha

do útero do desespero, e anáguas de Penélope

dilaceradas na crua orgia dos amantes).

 

E restos ou sílabas adormecidas no eito do coração

sob alento mutilado da palavra demiúrgica

ou rumores do sopro original ávido de verbos

sombra da primeira garganta, músicas de urzes e sapos

de cigarras, rãs e grilos a sinfonia primitiva

orquestrada do vestígio do som

de pássaro.

 

Murilo Gun

Inscreva-se através do nosso serviço de assinatura de e-mail gratuito para receber notificações quando novas informações estiverem disponíveis.
 

REVISTAS E JORNAIS