29
Qua, Jun

destaques
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Luz silenciosa, cor de cobalto, claridade de basalto, cátodo de relâmpago, hélices de hélio, divo metano e augusto núcleo de urânio sólida luz de cintilações metálicas e filosófica ambição (do divórcio entre o mundo d’hoje e da beleza humana a escritura registrada na praça), eis a epifânica deformação da forma ordenada do mundo vivido de aparências para triunfo do engano que aliena e parteja a idiotia mundana.

Alvorada que morde a urna de treva do mundo que come os contornos impreclaros e anjos noturnos tornam rastilhos de luz duradoura como demônios e invalida o exterior do homem e do mundo. A luz começou dos olhos de Deus (eis sua história) e se estendeu a ossos, relvas, pássaros, ratos, cubos e se confundiu com o olhar ondulante e místico e se revestiu da cor pesada e imaginária do paraíso escuro, proibido. E é das ruínas do éden que nascem manadas de oásis e da sã claridade o futuro.

Murilo Gun

Inscreva-se através do nosso serviço de assinatura de e-mail gratuito para receber notificações quando novas informações estiverem disponíveis.
 

REVISTAS E JORNAIS