07
Qui, Jul

destaques
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

            Os sentidos habituais varrer da página. Podar a alma da palavra com lírica tesoura. Sentidos semiextintos e obscuros (e obscenos) reativados.

            Os sentidos laterais (e os marginais) revivê-los.

            Atiçar a profundidade etimológica das palavras.

            Sentir o quão profundo é o verbo. Pois o verbo é maior que o homem. O verbo é criador. O verbo lírico.

            Ir à alma da palavra, ao corpo do verbo levar o espírito lírico puro, a ele conduzir o sentido vário.

            O sentido cotidiano, normal, comum não interessa à poesia absoluta. O poema o rejeita.

 

Murilo Gun

Inscreva-se através do nosso serviço de assinatura de e-mail gratuito para receber notificações quando novas informações estiverem disponíveis.
 

REVISTAS E JORNAIS