29
Qua, Jun

destaques
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

 Poesia não é... dizer... ou

querer dizer.

Se apenas a palavra diga queira ou não

não é.    Pois a palavra diz queira ou não.

E algo mais.

Se é apenas o querer do eu não é.

Se querer da palavra poder ser, é.

 

Contingencialmente dizer.

Como nos inventários

de estoque e ausências.

(Poema é o borrador do ID).

 

A ausência de coisas apresentadas

à página ou à alma (tanta faz quanto)

concerne à poesia. Ou não. Ou não?

 

A verdade do vazio é a única

verdade verdadeira.

Filosofia do buraco negro do verbo.

Murilo Gun

Inscreva-se através do nosso serviço de assinatura de e-mail gratuito para receber notificações quando novas informações estiverem disponíveis.
 
Advertisement

REVISTAS E JORNAIS