20
Qui, Jan

Poemas
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Em cada raia tigre pulsava.

A cada pele a alma mudava.

Rugas e dobras se disputavam.

No rosto devastado

antiga cólera ainda brilhava.

 

A pedra de fogo africano

olho vital do tigre

sombra de Borges bordejando

 

Deuses de pelúcia, macacos animados

preces de cinzas, sílabas de pó

ladainhas e virgens

acetonas e incensos nus

ocupando almas e caniços

impensáveis ou não.

{jcomments on}

Murilo Gun

Inscreva-se através do nosso serviço de assinatura de e-mail gratuito para receber notificações quando novas informações estiverem disponíveis.
 
Advertisement

REVISTAS E JORNAIS